Junho 06 2013

Devia odiar-te,

pelo passado que recordo com saudade,

o passado que o tempo não traz de volta e que um dia se apagará.

Foste o que eu não fui e foste onde eu nunca pensei ir, sem mim,

e odeio-te por não me teres levado contigo.

Odeio-te pela doçura dos teus beijos,

pela suavidade do teu toque na minha pele,

odeio-te por toda a tua delicadeza que me iludiu.

Eras aquilo que eu nunca pensaria encontrar 

e agora sei que jamais serás tu.

O tempo passa e faz me odiar-te mais e mais,

por me teres dado tudo,

por me teres roubado tudo...

deio-te porque do nosso sonhos fizeste um pesadelo.

Odeio-te porque um dia te amei demais.....

publicado por Angelique Barros às 22:15

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Junho 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


favoritos

Anjo

links
pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO