Setembro 14 2009

Ver este video faz-me pensar...o que faria eu? Sinceramente...não sei, tenho um nó na garganta só de ver...é muito profundo mas vale a pena.

 

 

 

E tu o que farias?

publicado por Angelique Barros às 20:49

Abril 03 2007

Depois de tantos anos sem os meus Pais, sinto por vezes uma necessidade infinita de estar com a minha Mãe, de lhe dar beijos, de sentir o quentinho do abraço dela... tão doce ...

Nunca fui muito de mostrar sentimentos e nas madrugadas amargas de despedida dos meus Pais, continha as minhas lágrimas... mas agora, ai que saudade! dos miminhos dela quando chegava da escola em que ela mexia no meu cabelo e acabávamos por adormecer no sofá, dos beijinhos de boa noite que eram essenciais para que eu conseguisse dormir...não há nada igual... Apesar da mentalidade ligeiramente retrograda dos meus Pais e de vários conflitos com a minha rebeldia, durante os 14 anos que vivi com eles diariamente nunca nada me faltou, e devo-lhes tudo.... mesmo se me fizeram sofrer, mesmo se não estiveram ao meu lado quando eu mais precisava deles, a minha vida nada seria sem eles... gosto tanto dos meus "Velhinhos"!!!

Agora quem está longe de todos sou eu, deixei-me encantar pela beleza de voltar a viver na capital, também porque a minha profissão me obriga a isso...e sei que no momento da despedida a minha Mãe fica sempre a chorar, aperta me o coração e acabo por chorar também....sem falar da minha Maninha que começa a chorar logo pela manhã.. lol ...

Então isto tudo para vos dizer que vou de férias...vou me abrigar no quentinho do abraço da minha Mãe....

 

Fiquem bem....

 

publicado por Angelique Barros às 09:41

Março 07 2007

Querida Filha,

Não imaginas o quanto me dói quando te corre uma lágrima no rosto, não imaginas a dor atroce no meu peito quando sei que estás a sofrer...

Se eu pudesse meu Anjinho, carregava todas as tuas dores, chorava todas as tuas lágrimas...

Deus não me ouve quando eu lhe peço para que o teu sofrimento seja meu, por isso kenina como eu vais ter que aprender que temos de ter doenças, que temos que sofrer...mas a mãe estará sempre e para sempre ao teu lado.

As pessoas vão te trair, te mentir, as pessoas não te vão amar da forma como tu gostarias que elas te amassem, algumas de certo te abandonaram...mas eu meu amor, estou aqui. Apagarei as tuas lágrimas, acalmarei as tuas dores...e se precisares de uma vida, dar-te-ei a minha.

Chora nos meus braços, e deixa-me chorar contigo.....

publicado por Angelique Barros às 11:43

Janeiro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


favoritos

Anjo

links
pesquisar
 
Online
subscrever feeds
blogs SAPO